Maps Gallery: o atlas virtual

A Google acabou de lançar um novo serviço muito interessante e totalmente baseado no Google Maps. Trata-se do Maps Gallery, um sistema que abriga mapas interativos e colaborativos — enviados por instituições governamentais, organizações sem fins lucrativos e outras instituições de pesquisa com bastante relevância em seus países. E no serviço estão alguns modelos muito interessantes. Renan Hamanntecmundo

Google Maps Engine and newly released Google Maps Gallery provide the tools you need to show your work visually and provide real-time updates. Taylor Corrado @TaylorLCorradoHubSpot

Há mapas criados por universidades de diversos países e até da NASA. Também há modelos históricos, como os que mostram os planos iniciais de urbanização de Paris (França) e Londres (Inglaterra). Todos eles são baseados na interface do próprio Google Maps e contam com várias pequenas interações — o que deixa a experiência de utilização bem mais interessante e divertida.

With Google Maps Gallery, governments, nonprofits, and businesses can use their valuable data to engage the public and show their impact on a variety of different maps on one page. Google Maps Gallery is “like an interactive, digital atlas where anyone can search for and find rich compelling maps.” This information is easily searchable on Google and other major search engines and can be viewed in Google Earth. Your organization also has control over the map’s branding and can manage the data that is hosting in Google’s secure cloud.

National Geographics Society is using Maps Gallery to show different areas of the world and also promote the sale of their print maps produced by their Map Department, which has been producing maps since 1915. All the maps listed in their Google Maps Gallery link to maps you can purchase.

The World Bank uses Maps Gallery to show the issues around the world that need support, specifically around extreme poverty. Its maps show the different countries affected by issues including malnutrition, life expectancy, connectivity of a population, and population growth.

The City of Edmonton in Alberta, Canada uses Google Maps Gallery to show all the work being done and resources that are available to make the city better for its residents, including neighborhood boundaries, police stations, recycling directories, and street construction projects. 

Por meio da aba “Explore”, é possível acessar uma série de categorias diferentes, que levam para seleções de mapas relacionados àquele tema. Já escolheu qual é o seu favorito? Comente abaixo

Others bits: Algoritmo de app impõe ritmo de trabalho frenético a entregadores na China

Elon Musk revela sua agenda com planos para o futuro da humanidade

Elon Musk revela sua agenda com planos para o futuro da humanidadeMundo Conectado

E sobre ser difícil de acreditar, Elon Musk diz que é otimista sobre o futuro da humanidade. E isso faz todo sentido do mundo quando você para para pensar um pouco. Ele não investiria todo o seu tempo em projetos super complicados que buscam resolver problemas gigantes da humanidade se não acreditasse no que faz. Também não faria somente por dinheiro, já que dá pra viver uma vida muito luxuosa com muito menos do que tem. O homem mais rico do mundo tem cerca de 260 bilhões de dólares em patrimônio. O curioso aqui é que ele disse não ter residência fixa, comentou que dorme sempre como convidado na casa de amigos e por aí, eu também adoraria ter Elon Musk como hóspede, esteja convidado.

O que a gente precisa fazer é levar em consideração os principais problemas que existem em relação à humanidade. E quais seriam esses problemas segundo ele?

  • Mudanças climáticas: Poluição, energia renovável, questões climáticas que estão sendo alertadas por especialistas há anos;
  • Mobilidade urbana: Boa parte de suas empresas trabalham com problemas envolvendo a locomoção de pessoas;
  • Redução populacional: A teoria de que no futuro será um problema ter poucas pessoas para sustentar a sociedade;
  • Riscos de extinção: A raça humana pode deixar de existir por perigos externos como um meteoro gigante ou interno, como mudanças climáticas severas;
  • Sobre redução populacional e o problema que isto pode ser, Musk enxerga isso como algo terrível para a humanidade e é sem dúvida uma teoria muito interessante de ser pensada. Isso porque há diversas pessoas que simplesmente acreditam que há pessoas demais no planeta Terra. Ainda assim, há especialistas que afirmam que não vamos passar de 9 bilhões de habitantes.

O problema envolvendo a diminuição da população tem relação com a forma como a nossa sociedade é organizada, enquanto está em crescimento consegue se sustentar, no entanto, isso muda drasticamente quando as gerações escolhem ter menos filhos. Essa diminuição apresenta problemas graves, já que é necessário ter pessoas para gerenciar as cidades, assumir funções desempenhadas na sociedade, pois ela não é capaz de se autossustentar.

Clima louco?UM CANCERIANO SEM LAR. Só mais um lugar.

E tem ainda o risco de extinção da humanidade, que pode acabar a qualquer momento por conta de um meteoro gigante, uma super erupção vulcânica, mudanças climáticas extremas. Nossa espécie também está ameaçada por uma terceira guerra mundial, esta nuclear, o que poderia significar o nosso desaparecimento do planeta. Estamos vendo a guerra na Ucrânia envolvendo Rússia e a participação indireta (até o momento) da Otan. A qualquer momento essa ou outra guerra pode colocar as potências nucleares em combate e acabar com a humanidade ou ao menos resetá-la.

E como resolver com todos esses problemas? A ideia é resolvê-los utilizando conhecimento de tecnologia aplicada, criando inovações. Elon Musk acredita que conseguiremos energia totalmente renovável, não poluente, limpa e suficiente em algum momento de nossa história.

Segundo ele, teremos que adotar os mais variados tipos de geração de energia, deixando de lado alternativas fósseis. Diz que utilizaremos vento, águas, e vamos aprimorar as opções renováveis. Além disso, inclui energia nuclear, a qual diz ser a favor.

Energia nuclear, apesar de incrivelmente eficiente, é muito temida mesmo por alguns especialistas pelo seu risco, como foi em Chernobyl. Bill Gates é um dos principais investidores deste tipo de obtenção de energia.

De qualquer forma, para que seja possível criar esse futuro energeticamente sustentável, será necessário criar formas eficientes de armazenar energias em baterias e seriam geradas toneladas delas. Também a fabricação destas baterias seria sustentável. Ainda assim, seria necessária uma quantidade extremamente alta de energia para nos mantermos. Pra ter ideia, a Gigafactory da Tesla, uma fábrica gigante, em algum momento, espera conseguir produzir 100 gigawatt/hora. Essa quantia, que já é alta, não passa de 0.1 Terawatt do necessário para nos manter.

Muskze-se: O Segredo do Gerador de ENERGIA INFINITA revelado, Brasil surgindo com a primeira telha de concreto que capta energia solar, Taxa para geração própria de energia solar no Brasil, Construir seu Painel Solar Fotovoltaico

autossustentar

autossustentar | v. pron. Dicionário Priberam da Língua Portuguesa (2008-2021), consultado em 12-05-2022.

au·tos·sus·ten·tar – Conjugar (auto- + sustentar) – verbo pronominal. Guilherme Viana – Português

1. Ter recursos para o próprio sustento ou para a sobrevivência (ex.: a cria não consegue autossustentar-se).

2. Ter condições para se manter ou conservar (ex.: a cooperativa já se autossustenta).

Nota: Usa-se apenas como verbo pronominal.

Grafia anterior ao Acordo Ortográfico de 1990: auto-sustentar.

Após a reforma ortográfica, a forma correta passou a ser autossustentável, sem hífen e com a consoante “s” dobrada. Só Português

Palavras relacionadas: autossustentação

Others bits: 10 fatos sobre inteligência artificial, Biobots, Pilhas elétricas de dois mil anos, PRAZER ou CADEIRA?, Os desafios da transição energética

1º MOTO ELÉTRICA COM NIÓBIO DEVE SAIR EM BREVE COM CARGA COMPLETA EM 10 MINUTOS !!!

1º MOTO ELÉTRICA COM NIÓBIO DEVE SAIR EM BREVE COM CARGA COMPLETA EM 10 MINUTOS !!!Análise Rápida

COM UMA CARGA COMPLETA EM 10 MINUTOS, A NOVA MOTO ELÉTRICA DA HORWIN COM BATERIA DE NIOBIO DEVE SAIR EM 2024.

O objetivo é que todos os modelos de produção da marca vendidos no Brasil utilizem baterias com óxido de nióbio até o segundo semestre de 2024. Jonas FilhoPortal Marti Lopes – abril 1, 2022.

Lightning Motorcycles, reconhecida pelo pioneirismo na indústria da mobilidade elétrica e pelas inovações na produção de motocicletas elétricas, aliou-se com a brasileira CBMM, líder mundial na produção e comercialização de produtos de Nióbio.

Formalizada em janeiro deste ano, a parceria com a empresa sediada no Vale do Silício (EUA) tem como objetivo fomentar as aplicações de Nióbio no setor de mobilidade e criar um veículo de duas rodas elétrico que alcance potência e velocidade suficientes para quebrar o atual recorde de velocidade em terra (Land Speed Record, ou LSR) com uma motocicleta comercial. A iniciativa pretende inovar e testar a aplicação do Nióbio em diversos componentes do veículo, de modo a melhorar o seu desempenho e, com isso, ultrapassar a marca dos 400 km/h (250 mph).

Tudo isso, claro, ainda permeia o campo da teoria. Na prática, instituições como a CBMM (Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração) vêm promovendo estudos para descobrir se é viável, mesmo, produzir baterias de íons-lítio com óxido de nióbio ou até mesmo baterias sólidas do metal em larga escala.

As novas baterias aguentam, em teoria, mais de 20 mil recargas ultrarrápidas sem perda de vida útil, de acordo com Rogério Ribas, gerente do Programa de Baterias da CBMM.

Célula Bateria NTO.  Crédito: Divulgação CBMM.

A Toshiba Corporation explica que está focada na possibilidade do uso de óxido de nióbio e titânio (NTO) como um material para o ânodo da próxima geração de baterias, que ajudará a aumentar a capacidade da bateria, mantendo as excelentes características do óxido de titânio e lítio (LTO), o material anódico das baterias SCiB™. O NTO tem uma densidade de capacidade de volume aproximadamente três vezes maior do que o LTO, ao mesmo tempo em que oferece as mesmas vantagens, como aumento de vida útil e carregamento rápido.

Uma de suas possíveis aplicações é como óxido de nióbio em baterias de íons de lítio, substituindo elementos usados no ânodo ou cátodo, como níquel e cobalto. Em teoria, seu uso permite promover recargas ultrarrápidas de 10 minutos sem desgastes excessivos ou perda do ciclo de vida da bateria.

O primeiro passo nesse sentido pode estar sendo dado após uma parceria firmada entre a CBMM e a Horwin, uma fabricante chinesa de motos e scooters que atua no mercado brasileiro desde 2019, ainda de forma tímida, mas que pretende se fortalecer no segmento de motocicletas elétricas nos próximos anos.

As duas empresas firmaram um acordo de produção de motos e scooters equipados com baterias de íons de lítio com nióbio. O primeiro protótipo desse projeto deve ser apresentado nos próximos meses e terá como mula o modelo CR6, uma naked com motor elétrico de 6.200 Watts ou 8,4 cv de potência, e baterias que rendem 150 km de autonomia.

Ribas reforça que “a CBMM já trabalha com várias empresas do mercado automotivo, seja em estruturas veiculares ou no desenvolvimento de aplicações de Nióbio para mobilidade elétrica”. Um exemplo é a parceria com a Volkswagen Caminhões e Ônibus (VWCO), anunciada em 2021, que prevê a aplicação das baterias com Nióbio em veículos elétricos de grande porte, que começam a ser testados em 2023 na fábrica da VWCO em Resende (RJ) e depois na planta industrial da CBMM em Araxá (MG).

Others bits: Bicicleta elétrica com motor de portão eletrônico, OLHA O MOTOR QUE ELE COLOCOU NESSE CARRO!! GURGEL TURBO, Moto elétrica parece Vespa, Peer to Peer – P2P, ou a economia compartilhada!?!, Devel Sixteen, reaparece!?! 1.2, Profissões promissoras de 2022, conforme pesquisas!?!

Thread assustadora sobre ROUBO DE CELULAR com aplicativo

Thread assustadora sobre ROUBO DE CELULAR com aplicativo do NUBANK safesrc

Em resumo, este rapaz teve o celular roubado e depois disso foi só dor de cabeça: sacaram dezenas de milhares de reais de suas contas bancárias e as suas tentativas de resolução do problema com os bancos foi mais do que pífia, sendo pouco veloz e absurdamente estressante. Frank Wyllys Cabral Liratecnoblog.comunidade

O primeiro passo é entrar em contato imediatamente com o BB pelo 4004-0001 para obter mais informações e procurar uma agência para bloquear o App do banco.

No caso do Nubank, entre em contato imediatamente com nosso time de atendimento pelos canais oficiais. Você pode ligar no número 0800 608 6236 ou enviar um e-mail para meajuda@nubank.com.br.

Além disso, para garantir a segurança de todos os seus dados, outro passo é desconectar seu aplicativo do celular. Para isso, é preciso ter acesso a um computador ou a um tablet e proceder da seguinte forma:

  • Entre no nosso site: www.nubank.com.br;
  • Na parte de cima, no canto direito da tela, faça login com seu CPF e senha do app;
  • Clique em “Estou sem celular”, abaixo do QR Code;
  • E depois em “Desconectar tudo”;
  • Esse processo pode demorar até uma hora – por isso, é importante entrar em contato com nosso time.

Assim as informações do seu app foram desvinculadas do seu aparelho roubado. Ou seja, quem estiver com seu dispositivo móvel não irá conseguir acessar seu app do Nubank.

Além de bloquear o acesso ao aplicativo do Nubank pelo nosso site, você também pode apagar remotamente os dados do seu celular. Esse passo é importante caso o seu aparelho tenha sido roubado durante o uso e com a tela desbloqueada, já que, apagando essas informações, o acesso a aplicativos, contas e e-mails é dificultado.

Para apagar os seus dados de um aparelho Android, basta acessar a ferramenta do Google que permite localizar um dispositivo e limpar os dados vinculados à sua conta. Se o seu aparelho for um iPhone, a Apple também disponibiliza uma plataforma onde é possível apagar os dados do seu celular à distância.

Agir com rapidez é fundamental para reduzir os danos causados pelo roubo de um celular. Hoje, as movimentações bancárias acontecem em questão de segundos e é importante ter cuidado redobrado com as camadas de proteção do seu aparelho. Algumas medidas que você pode tomar para evitar problemas futuros:

  • Entre em contato imediatamente com a central de atendimento do Nubank ou do seu banco – além de bloquear as funcionalidades do app, nosso time pode te orientar de acordo com a sua necessidade;
  • Conteste compras ou transações desconhecidas, caso você tenha notado que elas aconteceram após o roubo – nossos especialistas poderão analisar o caso e entrar em contato com outras instituições envolvidas;
  • Faça um boletim de ocorrência informando sobre o roubo e fornecendo o máximo de detalhes possível – para que a gente consiga te ajudar da melhor forma, é importante que você tenha documentado em que circunstância isso aconteceu, Toda vez que algum celular é roubado, furtado ou perdido, é preciso informar a Identificação Internacional de Equipamento Móvel (IMEI) no BO;
  • Acesse o Registrato para conferir se seus dados pessoais foram utilizados para abrir contas em outras instituições – este sistema do Banco Central compila relatórios com informações sobre contas e operações de crédito vinculadas ao seu CPF, e pode ajudar a identificar uma utilização indevida das suas informações;
  • Esconda o conteúdo das notificações na tela de bloqueio (algumas, como de mensagens, podem incluir códigos de autenticação em duas etapas). Portal BBBanco de Brasil
  • Configure o celular para não permitir que o controle do Wi-Fi e do 4G seja acessado com o aparelho bloqueado (criminosos desligam a internet para evitar a formatação remota).
  • Ajuste o tempo de tela do telefone para que ele seja bloqueado após alguns segundos sem usar — ou o mínimo de tempo possível permitido pelo sistema.
  • Não guarde fotos de documentos ou de cartões de crédito na galeria (eles podem facilitar a vida do ladrão que ligar no banco para criar uma senha nova). 
  • Mantenha seus apps e o sistema do celular sempre atualizados para corrigir possíveis brechas de segurança.

Others cheats: CENTRAL BANK OF ARGENTINA BANS BANKS FROM OFFERING BITCOIN, CRYPTO SERVICES, Celular BARATO com WhatsApp e +, BITCOIN: O Futuro ou A Maior Fraude Do Mundo?, Tecnologia em Sistemas de Computação

Devel Sixteen, reaparece!?! 1.2

O Devel Sixteen foi anunciado em 2013, no Salão do Automóvel de Dubai, como um superesportivo que viria para quebrar todos os parâmetros do mundo automotivo. A incredulidade com o modelo foi meio generalizada, já que a promessa da “Defining Extreme Vehicles Car Industry” era de uma potência de 5000 – sim, cinco mil – cavalos. Marcio Ishikawa – Jornal do Carro

Devel Sixteen

O motor do Devel Sixteen é um V16 quadriturbo, de 12,3 litros e que entrega 5 mil cavalos (5007 cv, para ser mais exato) e quase 520 quilos de torque. O chassi é feito em fibra de carbono e a empresa promete velocidade máxima na casa de 500 km/h. Já a aceleração de 0 a 100 km/h aconteceria em menos de dois segundos. 

Devel Sixteen
logo
Devel Sixteen

Tecnicamente, não é impossível atingir esses 5007 cavalos. Por exemplo, há motores de dragsters que chegam a monstruosos 10000 cv. O problema é colocar um motor desses em um carro de rua, que precisa fazer curvas, ser capaz de andar no trânsito, durante horas a fio e ter uma durabilidade mínima.

Quando a configuração do Devel Sixteen foi apresentada, era difícil acreditar que seria possível materializar um carro tão espetacular em todos os sentidos. Mais parecia o sonho de algum lunático e endinheirado sheik árabe. Ainda hoje, aliás, é difícil conceber que um motor inacreditável de 5000 cv possa rodar nas ruas normalmente. Você assumiria o risco de dirigir um carro que pode chegar a até 560 km/h?

Essa cavalaria toda, no entanto, parece muito mais uma estratégia de marketing para garantir uma boa repercussão junto ao público. Para efeito de comparação, o Bugatti Chiron Superesport, usa um W16 quadriturbo de oito litros e 1578 cavalos de potência e foi o primeiro modelo de produção a superar a barreira das 300 milhas por hora (482,8 km/h).

Devel Sixteen production version on public road

driving Devel Sixteen production version on public road in Italy

Externamente, o modelo mostrado no salão tem traços de uma aeronave futurística, linhas agressivas e tratamento aerodinâmico extremamente necessário por conta da expectativa de altíssima velocidade. Certamente é um carro ao estilo que Batman aprovaria facilmente, tão surpreendente que chega a ser difícil acreditar que está se tornando real para produção. Janaína GimaelAutoVideos

Others coolers: Devel SixteenKoenigsegg and Pinchcliffe Grand PrixA última despedida do Fusca!?!, Memes Otakes

Previous version: Devel Sixteen, reaparece!?!

Os planos SURPREENDENTES de Zuckerberg e Musk para conectar Humanos e Máquinas

Mark Zuckerberg e Elon Musk são dois ricões por trás de empresas gigantes de tecnologia. O primeiro é dono da Meta, que gerencia Instagram, WhatsApp e Facebook. O segundo é dono de SpaceX, Tesla e a mais audaciosa de todas Neuralink. Um tem planos para criar um óculos de realidade mista para conseguir nos conectar de maneira intuitiva com a tecnologia. O outro pensa simplesmente em implantar chips na mente de pessoas para curar depressão, tetraplegia e outras doenças neurológicas. Qual dos dois terá sucesso nessa jornada? O que exatamente querem? É possível que os dois consigam seus objetivos? Mundo Conectado

Zuckerberg anunciou sua ideia de conexão entre pessoas e máquinas como metaverso. Para ele, óculos de realidade virtual serão utilizados por todos em algum momento e este será um grande passo na nossa evolução. Ambientes de trabalho poderão ser totalmente virtuais, com reuniões e avatares nos representando. Será possível jogar e ter itens virtuais exclusivos com NFTs e o uso das blockchains. No entanto, é difícil hoje imaginar como poderia trazer esse tipo de realidade mesmo melhorando muito a tecnologia atual. Óculos, mesmo os mais leves com lente para aprimorar a visão já são desconfortáveis para muitas pessoas. Quem utiliza faz isso para enxergar melhor. Como convencer alguém a vestir algo que adiciona algumas funções mais tem 3 vezes o peso de um óculos normal. Além disso, o preço também é fator decisivo e os projetos compartilhados por Zuckerberg ultrapassam os US$300. Mas há esperança para ele, e os investimentos de bilhões estão rendendo frutos que eu comento no vídeo.


Θmar Ξspino • @omespino
– Oh não@elonmusk, o que é que você fez?

Já para Elon Musk a história é diferente. Até porque o que está fazendo é de fato diferente. Elon Musk está fazendo algo que pode ser realmente revolucionário e mirando num primeiro momento em quem tem doenças graves neurológicas. Caso consigam curar suas doenças, é questão de tempo para que o chip seja utilizado para outros fins, até mesmo entretenimento. No entanto, há resistência do nosso corpo a corpos estranhos, não é tão simples encaixar algo em nossa cabeça e esperar que a biologia aceite isso tranquilamente. E de fato, já nos testes da Neuralink, diversos macacos não conseguiram resistir, o que gerou denúncias. De qualquer forma, Musk se mostra sempre confiante (e isso acontece para todos os seus projetos mesmo que não corram bem).

Acompanhe todo nosso conteúdo em http://mundoconectado.com.br/

Profissões promissoras de 2022, conforme pesquisas!?!

Dentro de um cenário de recessão econômica e altas taxas de desemprego, algumas profissões parecem estar imunes à crise e representam um desafio, não para quem precisa trabalhar, mas para quem quer contratar. Ciente dessa dificuldade de preencher vagas por absoluta falta de mão de obra qualificada, a Kroton, uma das maiores organizações educacionais do mundo, pesquisou profissões de alta demanda para os próximos anos. Jorge Marintecmundo

Imagem: Blog Anhanguera/Divulgação

Usando rankings e dados de instituições reconhecidas como LinkedIn, Google e Robert Half, foi montada uma tabela com as áreas de conhecimento mais carentes de capacitações específicas.

Rafael Ribeiro de Freitas, a enorme demanda por vagas previstas para o setor de TI até 2025 representa uma oportunidade tanto para profissionais em busca de recolocação como para aqueles que buscam melhores empregos.

Confira abaixo a lista de cursos oferecidos pela Academia Tech:

  1. Engenharia de Software
  2. Processamento de Dados
  3. Blockchain, Criptomoedas e Finanças na Era Digital
  4. Tecnologia em Jogos Digitais
  5. Gestão da Tecnologia da Informação
  6. Gestão de Sistemas de Informação
  7. Sistemas para internet
  8. Redes de Computadores
  9. Computação em Nuvem
  10. Inteligência de Mercado e Análise de Dados
  11. Arquitetura de Dados
  12. Ciência de Dados
  13. Cibersegurança
  14. Análise e Desenvolvimento de Sistemas
  15. Marketing Digital
  16. DEVOPS
  17. Desenvolvimento Web
  18. Desenvolvimento Back End
  19. Desenvolvimento Mobile.

O metaverso ganhou grande visibilidade ao longo deste ano após a Meta, dona do Facebook, mudar de nome para acompanhar essa tendência do mercado. Dessa maneira, o conceito de universos digitais está recebendo atenção de mais companhias, integração com jogos e até criptomoedas exclusivas. Giovana Pignatitecmundo

Sendo assim, uma ideia que parecia muito distante ou mera especulação já move grandes quantias de dinheiro, através da venda de terrenos virtuaisroupas exclusivas e outros itens. Até mesmo um caso de assédio já foi registrado no metaverso.

Esse universo digital exige novos conhecimentos e, com isso, novas profissões relacionadas ao metaverso devem surgir futuramente. O portal Época Negócios separou alguns desses cargos.

1. Cientista de pesquisa do metaverso — no topo da lista está o profissional que será responsável por criar a “teoria de tudo” deste universo. Deverá dominar habilidades de deep learning e computação gráfica.

2. Estrategista do metaverso — responsável por identificar oportunidades de mercado, conduzir cases, influenciar roteiros e desenvolver métricas de maneira estratégica. Precisa ter grande conhecimento sobre gerenciamento e marketing.

3. Desenvolvedor de ecossistemas — será o responsável por criar o ecossistema e garantir que suas funcionalidades alcancem as proporções desejadas. Deverá dominar relações institucionais e ter entendimento da indústria de XR.

4. Gerente de segurança — garantirá que o metaverso seja um ambiente seguro e que suas funcionalidades correspondam. Encaixam neste cargo engenheiros de tecnologia com especialização em segurança de sistemas.

5. Construtor de hardware — para tornar a experiência mais real, o metaverso é construído com o auxílio de câmeras, fones de ouvido, sensores e óculos virtuais. Deverá ter experiência em hardware e em eletrônicos de consumo.

6. Storyteller do metaverso — responsável por desenhar a experiência no ambiente virtual através de “missões imersivas”. Precisa ser um bom contador de histórias, com conhecimentos de literatura e marketing.

7. Construtor de mundos — deverá ter grande conhecimento em design de games, design gráfico com experiência em 3D e realidade aumentada.

8. Especialista em bloqueio de anúncios — apesar de muitas empresas utilizarem anúncios, estes poderão ser limitados no ambiente digital. O profissional deverá ter conhecimento em codificação.

Segundo o Boletim Macro, publicado pela FGV IBRE em outubro de 2021, a expectativa é que o ano de 2022 venha acompanhado por uma diminuição na taxa de desemprego do Brasil, que deve fechar 2021 por volta de 14,1%. Para os profissionais, esse é um cenário que favorece a recolocação no mercado de trabalho e até mesmo a transição de carreira. Bruno de LimaForbes

“Estamos passando por um período de aquecimento do mercado e retomada dos negócios. Notamos que o foco das empresas está nos novos modelos de trabalho e seus impactos no mundo pós-pandemia”, destaca Fernando Mantovani, diretor-geral da Robert Half para a América do Sul.

O estudo apresenta as principais tendências de recrutamento, setores em alta, habilidades técnicas e comportamentais mais demandadas, além das posições em destaque nas áreas de Engenharia, Finanças e Contabilidade, Jurídico, Mercado Financeiro, Recursos Humanos, Seguros, Tecnologia, e Vendas e Marketing.

O ano de 2022 também guarda desafios para profissionais de RH. Dos entrevistados pela Robert Half, 69% acreditam que encontrar colaboradores qualificados será cada vez mais difícil. Eles também estão mais atentos à retenção dos talentos que já possuem. Dos executivos entrevistados, 49% temem perder algum profissional-chave no próximo ano. Entre os motivos listados está a abordagem mais agressiva da concorrência, o aumento da pressão por resultados e a insatisfação com o salário.

Para os profissionais de engenharia, ganham espaço em 2022 aqueles que já têm mais experiência e que contam com todas as habilidades relevantes para o trabalho, além de especializações e certificações. Em contrapartida, funcionários que acabaram de ingressar no mercado podem achar uma demanda baixa, tendo mais dificuldades em encontrar um emprego. 

Parte dessa demanda é gerada pelo aquecimento do comércio online, que exige que o setor logístico adeque suas operações, automatize processos, diminua custos e reduza falhas. Essas são as profissões na área de engenharia que mais estão se valorizando em 2022:

  • Gerente de supply chain;
  • Comprador;
  • Engenheiro de aplicação/vendas;
  • Gerente de projetos/PMO;
  • Gerente de vendas técnicas;
  • Coordenador de planejamento;
  • Coordenador de customer service;
  • Engenheiro de QSMS;
  • Engenheiro de produção/processos;
  • Piloto de drone – responsável pelo controle da máquina para a produção de imagens e fotos aéreas, inspeções de estruturas, monitoramento agrícola, segurança pública, etc;
  • Engenheiro de georreferenciamento – responsável pelo mapeamento de imóveis rurais, definindo sua área e posição geográfica, o que inclui a criação de curvas de nível, diagnósticos locais e o desenvolvimento de relatórios;
  • Engenheiro de dados – responsável por gerenciar, otimizar e monitorar a captação, armazenamento e distribuição de dados em toda a empresa;
  • Engenheiro de inovação – responsável pela criação de novas soluções de produtos ou processos, complexas ou simples, para ganho de produtividade. Natalia Dalle Cortinvestnews

Para a área, a maior média salarial é a do gerente de supply chain, com salários que podem ir de R$ 17 mil até R$ 35 mil.

Internautas ironizam situação econômica e fazem piadas e memes durante a Black Friday. Foto: Reprodução/Twitter. O ESTADO DE S.PAULO

A retomada dos IPOs, câmbio e retorno dos investidores estrangeiros são alguns dos fatores que estão contribuindo para o aumento da demanda pelo profissional financeiro. Mas, com o aquecimento do mercado, também cresce o nível de exigência das empresas, que agora buscam profissionais que tenham um bom conhecimento técnico, inglês fluente, saiba se comunicar e conheça bem Excel, ERP de mercado e ferramentas de BI.

Também deve-se esperar uma mudança na forma que esses profissionais trabalham. Agora, a rotina tende a ser mais estratégica e menos operacional. 

Essas são as profissões na área de Finanças que mais estão se valorizando em 2022:

  • M&A;
  • RI;
  • Tesouraria estruturada;
  • Controller;
  • Contábil/Fiscal;
  • Planejamento financeiro/controladoria;
  • Tesouraria/Financeiro.

O destaque salarial vai para a profissão de coordenador de planejamento/controladoria, cujos salários vão de R$ 9 mil até R$ 18,5 mil.

O aumento das fusões e aquisições no Brasil favorece os profissionais da área jurídica que possuem experiência especializada. Esse é um cenário que também estimula especialistas em Direito Societário e Contratos, que além de apoiarem as estratégias de crescimento das empresas, também atuam nas reestruturação societária e patrimonial.

O ano de 2022 e a consequente retomada da economia também oferecem um bom cenário para os profissionais que atuam em escritórios jurídicos que tem um perfil mais voltado para negócios. Seja em empresas ou escritórios, a adaptação em relação à transformação digital e a utilização da tecnologia para potencializar os trabalhos, gestão dos negócios e equipes estão em alta.

Essas são as profissões na área Jurídica que mais estão se valorizando:

  • Advogados especialistas em operações de M&A (pleno e sênior);
  • Advogados de societário e contratos (pleno e sênior);
  • Advogados de consultivo tributário (pleno e sênior);
  • Advogados de contencioso cível (pleno e sênior);
  • Advogados generalistas (pleno a diretor);
  • Advogados especializados em contratos (pleno);
  • Advogados de compliance.

Em termos de remuneração, a Robert Half destaca a área de advogados empresariais e M&A, cujos salários podem ir de R$ 10 mil até R$ 24 mil.

Para os profissionais do mercado financeiro, os sinais de recuperação da economia abrem espaço para novas ofertas iniciais de ações (IPO, na sigla em inglês). O cenário favorece a contratação de analistas de investimentos e M&A, e profissionais da área de equity research. Também ganham destaque posições estratégicas nas empresas investidas, como CFO (finanças), COO (operações) e profissionais de compliance e relações com o investidor.

Atuar em fintechs podem ser uma boa opção para especialistas do setor. A transformação digital e os movimentos de desburocratização aumentam as oportunidades de vagas nessas empresas. 

Essas são as profissões no Mercado Financeiro que mais estão se valorizando:

  • RM Private;
  • M&A (analistas/associados/vp);
  • Crédito corporate (analistas/especialistas);
  • Finanças (diretores/gerentes);
  • Profissionais de áreas regulatórias (analistas/especialistas/gerentes/diretores); 
  • Equity Research (analistas).

Os salários de Gerentes de Relacionamento Private são os mais altos na categoria, indo de R$ 21 mil até R$ 32 mil, segundo a Robert Half.

O avanço da transformação digital influencia diretamente na transformação cultural das empresas e o profissional de recursos humanos ganha protagonismo. Agora, ganha destaque os profissionais capazes de gerenciais essas transformações, como o Business Partner, servindo como um elo entre as necessidades das diferentes áreas da empresa. 

A mudança para modelos de trabalho híbrido também requer que esses profissionais desenvolvam novas habilidades. Agora, eles precisam ser capazes de atualizar as políticas e procedimentos da empresa, assim como programas de saúde e segurança. 

Essas são as profissões de Recursos Humanos que mais estão se valorizando:

  • Business Partner; 
  • Remuneração e Benefícios (analistas sênior/especialistas/coordenadores);
  • Treinamento e Desenvolvimento (analistas sênior/especialistas/ coordenadores); 
  • Gerente generalista;
  • Gerente com foco em desenvolvimento organizacional;
  • People Analytics – responsável pelo processo de coleta, análise e geração de insights baseados em dados para a gestão de pessoas em empresas;
  • Change Management – tem como função acompanhar o processo de planejamento e implementação de mudanças na empresa, garantindo que sejam concretizadas e duradouras;
  • Especialistas em DEI – responsável pelo planejamento, execução e monitoramento de estratégias que tenham como foco a inclusão das pessoas nas empresas.

A Robert Half estima que o salário do gerente de Business Partner seja o mais atraente na categoria para 2022. Ele deve ficar na média entre R$ 19 mil e R$ 26 mil.

Em meio a um período de incertezas, cresce a importância dos seguros para mitigar riscos e perdas, aponta a Robert Half. Entre os segmentos em alta estão o de Vida, Previdência, Danos e Responsabilidades. Em 2022, as empresas procuram profissionais com perfil comercial resiliente, com conhecimento multiprodutos e que consigam entender as necessidades do seu cliente. Inglês fluente e visão estratégica também são essenciais.

Assim como a maior parte dos setores, o setor de Seguros também está sendo amplamente impactado pela transformação digital e maior atenção à experiência do cliente. A tendência é que as seguradoras passem a desburocratizar processos. Tudo isso impacta diretamento no perfil desejado pelas organizações, que são profissionais com conhecimentos em inovação digital, customer e user experience.

Essas são as profissões da área de Seguros que mais estão se valorizando:

  • Finanças (analistas e gerentes); 
  • Atuarial (analistas e especialistas);
  • Comercial (gerentes);
  • Produtos (analistas e gerentes).

Os gerentes de produtos devem ser os que mais vão se valorizar no período, segundo a Robert Half. Os salários giram em torno de R$ 13 mil até R$ 20 mil.

O trabalho remoto e a necessidade urgente das empresas se transformarem digitalmente alavancou a demanda por profissionais de tecnologia e impactou diretamente na remuneração da área. Agora, a estimativa é que o setor tenha um déficit de 408 mil profissionais em 2022, de acordo com dados da consultoria Softex.

Dentro do setor, a segurança é um dos pontos de maior atenção de líderes e recrutadores.  Pentester, também conhecido como “hacker do bem”, aparece como a carreira do futuro também por conta da necessidade das empresas em minimizar as chances de ataques reais aos seus sistemas.

Essas são as profissões na área de Tecnologia que mais estão se valorizando em 2022:

  • Desenvolvedor Front-End (sênior);
  • Desenvolvedor Full Stack (pleno e sênior);
  • Arquiteto de soluções;
  • Tech Lead;
  • Profissional de infraestrutura (analistas e coordenadores);
  • Profissional de segurança da informação (especialistas a gerentes);
  • Desenvolvedor Back-End (pleno e sênior);
  • DeVops;
  • Product Owner;
  • Profissional de dados;
  • Desenvolvedor Front-End – responsável pela experiência do usuário em páginas web, tendo a função desenhar e desenvolver as páginas com as quais o usuário final irá interagir;
  • Desenvolvedor Full Stack – responsável por desenvolver as funcionalidades dos sistemas, atuando tanto em front-end quanto em back-end (criação de códigos para a execução das funções de uma aplicação web).
  • Pentester – profissional encarregado de conduzir testes de segurança em uma infraestrutura para prevenir invasões e exposições de dados (“hacker do bem”);
  • Arquiteto de Soluções – responsável pelo desenvolvimento, adequação e integração de novas soluções personalizadas aos processos já existentes nas organizações;
  • Especialista em Machine Learning – tem como função desenvolver cálculos, simular cenários de decisão e avaliar periodicamente os resultados gerados por esses sistemas.  

Seguindo a preocupação dos CTOs por mais segurança, os Gerentes de Segurança da Informação são apontados pela Robert Half como aqueles com o maior salário em 2022. A remuneração desses profissionais gira em torno de R$ 20 mil até R$ 33 mil.

Criação de memes poderá render salário no futuro; empresas já sondam tais profissionais. Mas será que viraliza? RAFAELA POZZEBOM em 22/05/2017 09:34 – Oficina da Net

O ambiente online mostra ser cada vez mais importante para as empresas brasileiras. Junto com esses novos ambientes de relacionamento, vem a exigência de uma boa experiência do consumidor. Para o profissional de vendas e marketing, isso exige um perfil mais conectado ao digital e com olhar mais preciso acima de produtos digitais. 

A Robert Half estimou que a área de Vendas e Marketing e relacionamento com o cliente estão entre as prioridades para a alocação de recursos financeiros e desenvolvimento das capacidades digitais, principalmente nas grandes empresas. Logo, existem oportunidades no setor. 

Essas são as profissões da área de Vendas e Marketing que mais estão se valorizando:

  • Executivo de Contas;
  • Coordenador de Marketing Digital;
  • Gerente de e-commerce;
  • Gerente de Marketing Digital;
  • Analista de Marketing Digital;
  • CRM-CX;
  • Vendas internas;
  • Gerente de Produtos Digitais;
  • Analista de Marketing – Marketplace;
  • Analista (CRO)/Martech;
  • Analista Martech – responsável por estabelecer a integração entre a tecnologia e o marketing, aliando as demandas de vendas e marketing da empresa às melhores tecnologias a favor desses setores;
  • Líder de live streaming – tem como função garantir o bom funcionamento das transmissões ao vivo e coordenar uma equipe dedicada a entregar transmissões de qualidade para o público-alvo. 

No quesito salarial, o gerente de e-commerce ganha destaque, com remunerações que giram em torno de R$ 9 mil até R$ 24 mil.

Others bits: 150 demissões em um segundo, Meta e o Metaverso, Raspberry Pi Foundation, o PC de US $ 10 e cursos

Fusca azul: conheça a origem da brincadeira que gera socos e tapas

Você já brincou de Fusca azul! Para quem não é deste planeta e não sabe como funciona, basta você dar uma pancadinha ou um tapa em um amigo ao avistar um carro desse modelo e dessa cor. Cada região ou grupo tem suas próprias regras, mas algumas são mais padrões. Tv Minas

Por exemplo: se o Fusca em questão não for azul, o amigo que apanhou pode revidar em dobro. Além disso, é sempre primordial que seja apontado por qual Fusca você está batendo, para ninguém repetir o tapa pelo mesmo carro. Essa brincadeira violenta já gerou várias brigas por aí, mas você sabe quando ela começou?

Entenda como começou essa brincadeira que já dura séculos.

Existem algumas teorias, mas nenhuma conclusão definitiva. Acredita-se que o inventor tenha sido Henry Ford, um dos gênios da indústria automobilística do início do século 20. Naquela época, os veículos saíam das fábricas apenas na cor preta, já que ela seca mais rápido que as demais e faz com que a linha de produção consiga fazer mais carros por dia.

Henry Ford ao lado da linha de produção de veículos da Ford.

Acontece que, certa vez, no ano de 1914, um erro na mistura de cores deixou a tinta menos escura do que deveria. Os modelos Ford T começaram a sair com um tom de azul escuro, algo que desagradou ao dono da marca a ponto de ele desferir um tabefe nas costas do responsável pela besteira. Esses carros coloridos ficaram restritos ao uso interno pelos funcionários, que passaram a imitar a atitude do chefe quando viam algum dos veículos.

Dentre as muitas conquistas de Henry Ford está a de ser o criador da montagem em série, o que permitiu a produção de um maior número de carros em menos tempo. Mesmo com toda essa superprodução, todos os carros, ou melhor, a maioria deles, era feita na cor preta. E a situação monocromática tinha um motivo: as televisões ainda não transmitiam cores. Então, qual era o sentido de fazer carros coloridos se justamente a cor não poderia ser vista na tela da TV? Banda B

É importante ressaltar que essa história de Henry Ford aconteceu lá nos Estados Unidos e que a tradição supostamente se manteve ao longo dos anos por lá. Já na década de 1960, ela acabou sendo mudada com a popularização do Fusca, chamado no mercado norte-americano de Beetle, que pode traduzido para o português como “besouro”.

Na terra do Tio Sam, o carro também é chamado de Bug ou Buggy, que são variações para “inseto”. A brincadeira consiste em “esmagar o inseto” – em inglês, “punch buggy”. A cor não é importante, já que o que vale mais é a quantidade de “insetos” acertados no braço de seu coleguinha distraído.

No Brasil, as duas histórias se misturaram, supostamente com a própria Volkswagen usando o tapa de Henry Ford por conta da cor azul para divulgar o seu novo carro. O marketing agressivo se espalhou e até hoje a brincadeira é aplicada por gerações de crianças – e até de marmanjos – que não podem ver um Fusquinha azul que já procuram um braço alheio para socar.

E aí, gostou da história? Compartilhe com os seus amigos para eles também conhecerem a origem dessa brincadeira.

Others bits: FUSCA GIGANTE COM MECÂNICA V8 NA DIANTEIRA – MOSTRE PARA SEUS AMIGOS, Conheçam o Fusca picape que a Volkswagen nunca fez

V.W.Beetle Blue